terça-feira, 28 de junho de 2016

Coluna


Quando a coluna não está bem, parece que o restante do corpo vai mal...

Ainda mais nesse tempo frio...
Ainda mais em fase de escrita...

Tentei fazer alguns versos sobre isso, mas, sei lá...

...

As dores brincam de esconde-esconde nas minhas costas...

(Vulgo Elemento)

quarta-feira, 11 de maio de 2016

Gravação do livro "Poéticas de um estudante"


Obrigado a todos e a todas pela atenção e pelos votos...
Espero que gostem do livro "Poéticas de um estudante"...
Em breve, iniciarei a agenda de lançamentos físicos...
Aproveito para informar que, no dia 13-05 (sexta-feira), 
a partir das 13:30, iniciarei a gravação do livro em áudio... 
No mesmo dia, direto do estúdio, mostrarei os bastidores 
da gravação, via Facebook, em transmissão ao vivo. 
Até lá!!!

terça-feira, 10 de maio de 2016

O livro "Poéticas de um estudante" já está à venda


O eBook já está à venda nas seguintes livrarias:

(Clique no nome da livraria para abrir a página)






#vulgoelemento #poeticasdeumestudante #servicosocial #hiphop
#literaturamarginal #literaturadivergente 

quinta-feira, 5 de maio de 2016

Docentes


#vulgoelemento #poeticasdeumestudante #servicosocial #hiphop
#literaturamarginal #literaturadivergente

terça-feira, 3 de maio de 2016

Soldado

#vulgoelemento #poeticasdeumestudante #servicosocial #hiphop 
#literaturamarginal #literaturadivergente

quinta-feira, 31 de março de 2016

Lançamento Virtual do livro POÉTICAS DE UM ESTUDANTE - 10/05/16


A Ser Humanus em parceria com a Editora Cia do Ebook lançará no dia 10 de maio de 2016 o livro “Poéticas de um estudante”, do rapper Vulgo Elemento.

A princípio, o livro será lançado no formato eBook e estará disponível para venda nas seguintes livrarias virtuais: Amazon, Google Play, Kobo, Cultura, Livraria Bem-te-li, Apple Store, Saraiva e Barnes & Nobles.

“Poéticas de um estudante” teve por inspiração a trajetória do autor em duas grandes áreas: a cultura Hip Hop e o Serviço Social.

A obra conta com o comentário da Profa. Dra. Myrian Veras Baptista e com o prefácio da Profa. Dra. Maria Lúcia Martinelli.

Resumo do livro:

Durante a minha trajetória ouvi dizer várias vezes que “a vida acadêmica é solitária”. Comecei a perceber que sim, a partir do momento em que se vive apenas a vida acadêmica, quando se reduz a vida num mundo particular recheado de teorias, elucubrações, então, tudo se transforma em acadêmico, cria-se o mundo academicista no qual somente o olhar acadêmico é coerente e correto. Pode-se chegar a ponto de citar constantemente vários autores para explicar ou responder coisas tão simples da vida particular ou questões do dia a dia. Assim, todas as dimensões da vida seguem uma única referência de entendimento.

Poéticas de um estudante é fruto de uma prática diária de escrever e descrever sentimentos, assim como de narrar e contar as manifestações cotidianas. Por isso, digo que a minha mente tem sido pista para aterrissagem de insights e, também, para decolagens de percepções.

A vida de um (a) mestrando (a) é desafiadora! Parece que tudo caminha muito perto: o dia da noite, o sol da chuva, a alegria da tristeza, a morte do nascimento, a queda da superação, janeiro de dezembro, a qualificação da defesa. Isto é, um movimento impossível de ser independente, isolado e linear... 

Processos, fases, atalhos e caminhos...

Talvez, não haja distâncias entre as coisas, e, sim, momentos específicos e peculiares de sua expressão a partir de um desenvolvimento coletivo. Por exemplo, qual a distância deste livro das poesias que as contém?

segunda-feira, 28 de março de 2016

Mil poesias sobre a saudade

... Seria capaz de escrever mil poesias sobre a saudade...

... Já falei de seu gosto

Já descrevi o seu rosto...

...Mas sinto que ainda é pouco


(Sinto que a saudade é um terreno fértil)

terça-feira, 16 de fevereiro de 2016

"Poéticas de um Estudante"

Em 2011, abri a ‘portinha da gaiola’ e publiquei o livro “Constelação de Ideias”...
(Disponível in: http://www.4shared.com/get/XfOiyXLF/constelao_de_ideias_-_vulgo_el.html)

Agora, em 2016, publicarei o livro “Poéticas de um Estudante” que expressa uma das minhas vivências... A vivência enquanto estudante, pois não há como se envolver com a educação, não há como ensinar, deixando de ser aluno... Principalmente, deixando de ser aluno da vida...

“Poéticas de um Estudante” conta com comentários da Profa. Dra. Myrian Veras Baptista e com o prefácio da Profa. Dra. Maria Lúcia Martinelli.

Em breve, "Poéticas de um Estudante" estará disponível aqui nas redes sociais!



domingo, 10 de janeiro de 2016

Coisas

Quero escrever mais sobre coisas pequenas...

Coisas desapercebidas...

...Coisas que percebo...

(Vulgo Elemento)

sábado, 9 de janeiro de 2016

Vulgo Elemento


"Procure a sua, a minha eu vou atrás, até mais, da Fórmula Mágica da Paz".

(Racionais MC's)

sexta-feira, 20 de novembro de 2015

Abordando a abordagem

Abordando a abordagem*

Daniel Péricles Arruda (Vulgo Elemento)  20 nov 2015

A finalidade desta crônica é refletir sobre um fato cotidiano particular que, certamente, é vivenciado por muitas pessoas, principalmente, em razão de sua aparência.
No mês passado, estava passando de carro por uma avenida na região central de São Paulo. A poucos metros de distância, avistei uma blitz. Então, reduzi a velocidade e mudei de faixa para ficar na pista indicada, como os demais motoristas também faziam.
No momento em que estava passando, pediram-me para encostar o carro. Assim, estacionei no local indicado e segui as orientações que me foram dadas: “abaixe o vidro detrás”, “desligue o motor”, “desça, por favor”.
Ao sair do carro e entregar os documentos solicitados, disseram-me: “mão na cabeça e vire pro carro”, ou seja, revista. Como é constrangedor ter o seu corpo apalpado: pernas, coxas, testículos, dignidade – chega a ser desrespeitoso –, o corpo é coisa tão íntima, tão nossa, tão minha! Cabe dizer que essa não foi a primeira vez que fui abordado – passo por essa situação, frequentemente, desde a adolescência – mas gostaria de destacar as peculiaridades dessa abordagem.
Após a revista, perguntaram-me: “você tem problemas com a justiça?”. Logo respondi: “Não”. Depois, pediram-me para aguardar até que os documentos fossem verificados. Nessa espera, fiquei observando os tipos de pessoas que eram abordadas e pensei: qual é o critério para abordar uma pessoa? Como não apresentava nenhuma atitude suspeita, por que, dentre vários carros, pararam-me? A cor da pele é quesito para abordar alguém?
Antes de entregar-me os documentos, perguntaram-me novamente: “Então, você não tem problemas com a justiça?”. Ao perceber a insistência da pergunta e o acréscimo do “Então” com tom de dúvida, eu respondi de modo sereno: “Eu ajudo a justiça, eu sou assistente social e professor acadêmico. Milito pela defesa dos direitos e deveres”. Imediatamente, percebi mudança no tratamento.
A resposta pulou da minha boca, como proteção e posição política! Não quis utilizar de minha posição profissional/intelectual para ser tratado com respeito – pois sabemos muito bem que títulos podem ser usados para o bem ou para o mal – a questão foi a de desconstruir a imagem que foi projetada em mim e que é projetada em muitas pessoas, que acaba por construir uma imagem invisível de nossa identidade.
Termino este texto aqui (e não o assunto), considerando que esse é um dos nossos maiores desafios: desconstruir estereótipos para construirmos o nosso ser, o nosso modo de ser. Se (re)afirmo a imagem produzida e atribuída a mim através do olhar opaco de conteúdo crítico – sendo que não sou o que esse olhar diz –  ajudo a produzir o que não sou. Se me posiciono criticamente, torno-me dono da minha real existência, tenho chances de desmanchar o olhar repedido, o olhar generalista, o olhar que não reflete a minha imagem.
Sempre somos abordados, em vários lugares e por várias pessoas, até mesmo, sem percebermos.
Não é fácil ser negro(a) no Brasil.
Abordando a abordagem...


Como citar esta crônica: ARRUDA, Daniel Péricles (Vulgo Elemento). Abordando a abordagem. São Paulo: 2015. Disponível em: http://vulgoelemento.blogspot.com.br/p/publicacoes.html. Acesso em (colocar a data do acesso).


terça-feira, 27 de outubro de 2015

...Encontros e Ideias...

Milton Sales, sempre atencioso e na correria pela cultura...
Satisfação, irmão!

Local: Galeria Olido - Centro de SP

Semana Cultural do Curso de Serviço Social - UNIFAI SP - 22/10/15


... Versos, rimas, palavras e energias...






DJ Duck Jam, Vulgo Elemento, Freddy de la Cruz e DJ Wiliam Camargo

Mais fotos em: https://www.facebook.com/photo.php?fbid=875274992540805&set=pcb.875277672540537&type=3&theater

Palestra na Faculdade Paulista de Serviço Social (Fapss - SP/SP - 19/10/15)

Obrigado pelo convite, Sandra Paulino!

Foi um prazer dialogar com vocês sobre
 "A arte como mediação no trabalho do assistente social."

Um forte abraço a todos vocês!





Mais fotos em: https://www.facebook.com/photo.php?fbid=873993839335587&set=pcb.873996882668616&type=3&theater

terça-feira, 8 de setembro de 2015

Primeiro Ano do CD "Fecha Comigo"

A caminhada de lançamento e de divulgação do CD "Fecha Comigo"
completa um ano, neste mês de setembro...

Para comemorar esse ciclo, socializo com vocês algumas fotos,
principalmente, dos bastidores de gravação!

Agradeço a todos e a todas que participaram desse processo!

...Continuemos na luta, sempre...

Para ver as fotos clique aqui.

Para baixar o CD "Fecha Comigo" clique aqui.

#vulgoelemento #lancamentovulgoelemento #fechacomigo

sexta-feira, 10 de julho de 2015

Bonés e Canecas - Vulgo Elemento

...Acaba de sair do forno... Bonés com a marca Vulgo Elemento e 
canecas com estampa da capa do CD "Fecha Comigo".

... Interessados em adquirir, clique aqui







sábado, 4 de julho de 2015

Carta de Vitória

Vitória é uma adolescente de 13 anos de idade, irmã de uma aluna minha. Ela esteve presente no lançamento do meu CD na Galeria Olido (Centro de SP) e no lançamento no Centro Universitário Assunção (Unifai).

Vitória, agradeço por acompanhar o trabalho e agradeço imensamente pela carta com palavras de admiração e de apoio. Gostaria, aqui, de reproduzir um trecho do seu texto:

"(...) suas músicas são incríveis, porque elas expressam coisas que muitas vezes temos medo de dizer..."

... É isso! A arte nos permite superar muitas coisas, inclusive: o medo de falar...

Um beijo grande!


Lançamento no Centro Universitário Assunção (Unifai) - SP

Lançamento na Galeria Olido (Centro de SP)




sexta-feira, 26 de junho de 2015

Sarau no Cenpec - SP/SP


Sarau no Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária (Cenpec). 

... Obrigado pelo convite, mestre P.MC



Mais fotos em: https://www.facebook.com/photo.php?fbid=824425680959070&set=pcb.824429187625386&type=1&theater

terça-feira, 23 de junho de 2015

CD "Fecha Comigo" na loja Beatz

"Fecha Comigo" na loja Beatz, Galeria do Rock (SP) 

Rua 24 de maio, 62, sub-solo, lojas 16 e 50... É só chegar...

Tel: (11) 3338-1298 ou (11) 3333-3170



... Um bate-papo super produtivo com Manoela, da Veras Editora...


Dia 21 de junho... Dia Mundial do Skate... Então:


Reflexão do dia...

"O que dá o verdadeiro sentido ao encontro é a busca,
e é preciso andar muito para se alcançar o que está perto."


(José Saramago)

...Dialógica

Supervisão Técnica no Serviço de Medidas Socioeducativas em Meio Aberto, no Guarujá/SP.




Inauguração da Biblioteca do CAS São Geraldo, Potim/SP

... Diálogos, ideias, músicas, danças, interpretações, declamações...

Agradeço a todos vocês do Centro de Assistência Social (CAS) 
pelo convite e pela carinhosa acolhida...

Foi um prazer estar presente nesse momento muito especial...

... Novamente, obrigado!





 Mais fotos em: https://www.facebook.com/vulgoelemento/media_set?set=a.819280811473557.1073741875.100001749374961&type=3&pnref=story

sábado, 23 de maio de 2015

Bate-papo e lançamento do CD na Livraria Cortez - SP/SP - 16-05-15







Sempre é bom dialogar... contar e ouvir histórias... 
Agradeço a Livraria Cortez e a todos companheiros e companheiras presentes!



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...